1. Usuário
Assine o Estadão
assine

TERRA

Produtor calcula prejuízos em R$ 300 mil

Rubens do Amaral Júnior conseguiu tirar 950 cabeças de gado de área tomada por índios na segunda-feira em protesto contra morte de Oziel Gabriel durante reintegração de posse no dia 30

29 DE Maio DE 2014
22 DE Maio DE 2014
17 DE Maio DE 2014
28 DE Abril DE 2014
17 DE Abril DE 2014

terra
Neri Geller divulgou nota sobre envolvimento de seus irmãos em fraude O Sal da Terra Terra de Ninguém Astronauta captura imagem do nascer do sol sobre o oceano Com Sem-teto se concentram no Largo da Batata para marcha com sem-terra Sem-teto se concentram no Largo da Batata para marcha com sem-terra Banda brasileira desconhecida faz sucesso no Rock in Rio Lisboa Movimento perde poder de mobilização e tem reivindicações cada vez menos atendidas Movimento perde poder de mobilização e tem reivindicações cada vez menos atendidas Movimento perde poder de mobilização e tem reivindicações cada vez menos atendidas
Neri Geller divulgou nota sobre envolvimento de seus irmãos em fraude
Ministro da Agricultura disse não ter nenhum negócio com seus irmãos e demais envolvidos em esquema de venda ilegal de terrenos para reforma agrária
O Sal da Terra
Inspiração. Wim Wenders e Sebastião Salgado
Terra de Ninguém
Dark. Edwin Luisi e Luis Melo, em cena da peça, cujo figurino é inspirado em "Laranja Mecânica"
Astronauta captura imagem do nascer do sol sobre o oceano
Redi Wiseman: "minha vista preferida do espaço"
Com "Deus e o Diabo", Glauber Rocha coloca o homem brasileiro na tela
Com "Deus e o Diabo", Glauber Rocha coloca o homem brasileiro na tela
"Deus e o Diabo na Terra do Sol", de Glauber Rocha, completa 50 anos
"Deus e o Diabo na Terra do Sol", filme dirigido por Glauber Rocha, completa 50 anos
Sem-teto se concentram no Largo da Batata para marcha com sem-terra
Sem-terra da Frente Nacional de Luta caminharam mais de 500 quilômetros desde 8 de junho
Sem-teto se concentram no Largo da Batata para marcha com sem-terra
O ato conta também com o apoio dos metroviários e dos alunos e professores em greve da USP
Banda brasileira desconhecida faz sucesso no Rock in Rio Lisboa
Brasileiros desconhecidos enlouquecem público no festival Rock in Rio Lisboa
Movimento perde poder de mobilização e tem reivindicações cada vez menos atendidas
Na avaliação do professor Bernardo Mançano Fernandes, do Programa de Pós-graduação em Geografia da Unesp, as ocupações de terra não vão desaparecer. Mas dificilmente terão a mesma intensidade de anos passados. Isso deverá levar o MST a inverter suas prioridades: "O movimento é responsável por 55% das famílias assentadas no País. É um patrimônio que vai ter que cuidar daqui para a frente. Se antes investia 20% das forças nos assentamentos e 80% nas ocupações, agora terá fazer o contrário".
Movimento perde poder de mobilização e tem reivindicações cada vez menos atendidas
Quanto ao Executivo, diz: "O governo abandonou as desapropriações." Para Stédile, tudo isso é conjuntural, uma vez que não se teria resolvido o problema dos sem-terra: "A retomada da luta com mais força é apenas uma questão de tempo". Raul Jungmann, que foi ministro do Desenvolvimento Agrário no governo FHC e hoje é vereador no Recife, pelo PPS, diz que a desidratação do MST ocorreu com a chegada do PT ao poder. "Em segundo lugar aparecem as bolsas, como as do Programa Bolsa Família", diz.
Movimento perde poder de mobilização e tem reivindicações cada vez menos atendidas
Um dos líderes do MST, o economista João Pedro Stédile aponta as razões para a redução das ações atualmente. "Elas se devem a uma conjugação de diversos fatores. Do lado do latifúndio, houve uma avalanche de capital que foi para agricultura atraído pelos preços das commodities, que dão elevados lucros e aumentaram o preço das terras. E com isso bloqueia a reforma agrária. Salários aumentaram nas cidades, e isso reforçou o êxodo rural. Há um bloqueio também no Judiciário e no Congresso."
+ fotos sobre TERRA »