1. Usuário
Assine o Estadão
assine

queijo de cabra
Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra Este bosque dá queijo... de cabra
Este bosque dá queijo... de cabra
O cardápio é fixo, pequeno e permeado pelo queijo de cabra. A cozinha é comandada por Juliana Raposo (esq.), filha de Heloisa
Este bosque dá queijo... de cabra
Além da criação de cabras, há também o bistrô do Capril do Bosque. Aberto apenas para o almoço sábado e domingo, e só com reserva, é um programa para quem quer comer sem pressa
Este bosque dá queijo... de cabra
Capril do Bosque faz aproximadamente 200 quilos de queijo por mês, de seis tipos, um tipo a cada dia
Este bosque dá queijo... de cabra
Ela aprendeu a criar cabras e treinou Andréia (na foto), a caseira do sítio - hoje, o principal braço da queijaria, que tem mais duas funcionárias
Este bosque dá queijo... de cabra
Heloisa Collins começou a fazer queijos há 15 anos, quando herdou uma biblioteca gastronômica de um amigo. Entre os livros, estavam obras sobre queijo. Leu todos. Experimentou. Deu certo
Este bosque dá queijo... de cabra
A dona, Heloisa Collins, conhece pelo nome cada cabra do rebanho. Aumentar a produção? Só quando descobrir como não afetar a qualidade
Este bosque dá queijo... de cabra
O Capril do Bosque fica em Joanópolis, município da região de Bragança Paulista com pouco mais de 11 mil habitantes. A cidade fica a 120 Km da capital paulista
Este bosque dá queijo... de cabra
Heloisa Collins faz queijos de cabra finos e artesanais no Capril do Bosque, em um sítio no interior de São Paulo
+ fotos sobre queijo de cabra »