1. Usuário
Assine o Estadão
assine

POLITICA

"O PT fracassou", diz Aécio Neves

Após economia do Brasil ser classificada como "moderadamente frágil" pelo FMI, o candidato à Presidência pelo PSDB, Aécio Neves, culpa governo Dilma pelo "fracasso"

30 DE Julho DE 2014

politica
No Planalo Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina Lula P.A Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
No Planalo
A presidente Dilma e o ministro Aldo Rebelo se reúnem com o presidente do COI, Thomas Bach
Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina
Durante a convenção que oficializou a aliança sobraram críticas ao governo da presidente Dilma Rousseff
Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina
"Ei, Dilma, sai pra entrar Dudu", diziam os militantes
Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina
Ao entrar no auditório da convenção, Campos foi recebido pela militância jovem do PSB com gritos contrários à reeleição da presidente Dilma Rousseff
Convenção do PSB oficializa chapa de Campos e Marina
O PSB acaba de formalizar a candidatura de Eduardo Campos e Silva à presidência da República
Lula P.A
Com as declarações, Lula escancara as divergências coma ´política econômica do governo Dilma
Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
Março de 2014: Sob a liderança de deputados do PMDB, parte da base aliada se une à oposição para aprovar requerimento do PSDB que cria comissão externa de parlamentares a fim de ir à Holanda apurar denúncias surgidas no país europeu de pagamento de propina a funcionários da Petrobrás.
Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
Dezembro de 2013: A ameaça de Dilma de vetar o Orçamento impositivo gera mais uma crise entre o Planalto e a base. O governo recua da decisão para acalmar mais essa rebelião dos aliados, que, assim, concordam em votar o Orçamento de 2014.
Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
Agosto de 2013: A Câmara aprova o Orçamento impositivo, projeto liderado pelo PMDB que obriga o Executivo a pagar todas as emendas parlamentares previstas no ano, outra proposta conduzida por parlamentares da base que desagradou o governo. Em novembro, a proposta é aprovada pelo Senado.
Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
Junho de 2013: Após os protestos de rua, Dilma não tem apoio dos aliados aos pactos que sugeriu em pronunciamento na TV para dar como resposta às reivindicações dos manifestantes, como a ideia de plebiscito sobre a reforma política, que é bombardeada no Congresso, inclusive por parlamentares de partidos da base do governo.
Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
Maio de 2013: O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), recusa-se a colocar em votação a MP que trata da redução das tarifas de energia no País. Renan alega que não recuaria do compromisso público que fez com os colegas de não votar medidas provisórias a toque de caixa.
Tensões entre a presidente e parlamentares ocorrem desde o início do mandado; veja cronologia
Maio de 2013: O PMDB obstrui a votação na Câmara da MP dos Portos. O líder Eduardo Cunha propõe uma emenda que desfigura texto acordado com o Executivo, que acaba sendo rejeitada. Aprovado na Câmara após longa discussão, o texto da MP chegou ao Senado no prazo limite da tramitação.
+ fotos sobre POLITICA »