1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Senado aprova mais direitos aos trabalhadores domésticos

PEC das domésticas

 

O Senado aprovou nesta terça-feira, 26, por 66 votos favoráveis e nenhum contrário, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que garante aos trabalhadores domésticos 17 novos direitos, igualando sua realidade com a dos demais trabalhadores urbanos e rurais. O presidente do Congresso Nacional, Renan Calheiros (PMDB-AL), adiantou que vai levar a proposta à promulgação na próxima terça-feira, dia 2 de abril.

A proposta, conhecida como PEC das Domésticas, já havia passado pelo primeiro turno de votação semana passada e estabelece novas regras, como jornada diária de trabalho de oito horas e 44 horas semanais, além de pagamento de hora extra de, no mínimo, 50% da hora normal. Os direitos vão se somar àqueles já existentes, como 13º salário, descanso semanal, férias anuais e licença gestante.

Sete dos 17 itens ainda precisam ser regulamentados antes de entrar em vigor. Carecem de regulamentação o direito ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), hoje facultativo, o seguro contra acidentes de trabalho, o seguro-desemprego, a obrigação de creches e pré-escolas para filhos e dependentes até seis anos de idade, o salário família e a demissão sem justa causa.

Aplaudida em plenário e sentada na Mesa Diretora, a presidente da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas, Creuza Maria Oliveira, defendeu a PEC. "Nos primeiros meses, quando o salário aumenta, o patrão demite, mas depois contrata novamente, porque quem trabalha fora precisa de alguém para trabalhar, mas as pessoas acham que pagar para empregada doméstica é absurdo. Haverá uma acomodação no mercado", afirmou.

Estadão Dados
Emprego doméstico é mais raro e caro nas metrópoles
Emprego doméstico é mais raro e caro nas metrópoles

Desde 2003, serviço doméstico é a atividade que mais perdeu peso no mercado

Direitos
Nova lei das domésticas engorda o Fundo de Garantia em R$ 5,5 bi por ano
Nova lei das domésticas engorda o Fundo de Garantia em R$ 5,5 bi por ano

Atualmente facultativo, o recolhimento de FGTS passará a ser obrigatório

Entenda
Oito respostas sobre a nova lei dos empregados domésticos
Oito respostas sobre a nova lei dos empregados domésticos

Controle de jornada de trabalho e recolhimento de FGTS estão entre as principais mudanças

Perfil
‘Vou trabalhar de carro todos os dias’, conta Mariza Moreira
‘Vou trabalhar de carro todos os dias’, conta Mariza Moreira

Ela passou a trabalhar como doméstica para criar os filhos; hoje, tem carro e estuda

Regras
Controle de jornada é ponto principal da PEC das domésticas
Controle de jornada é ponto principal da PEC das domésticas

Especialistas recomendam que empregadores criem contrato para os funcionários domésticos

Conjuntura
Parcela de empregadas domésticas entre trabalhadores cai para 6,6%
Parcela de empregadas domésticas entre trabalhadores cai para 6,6%

Trata-se do resultado mais baixo desde 2003. Com mais direitos, tendência deve se acentuar

Mais notícias sobre pec domesticas

Notícias e reportagens