1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Prêmio Nobel da Paz 2012

União Europeia leva o prêmio por conta da reconciliação e do estabelecimento da democracia e dos direitos humanos

A União Europeia (UE) levou o Prêmio Nobel da Paz de 2012. O resultado foi divulgado pelo Comitê Nobel da Noruega em Oslo. O júri justificou a escolha destacando as conquistas para "o avanço da paz e a reconciliação" na Europa, assim como para o estabelecimento "da democracia e dos direitos humanos" no continente. De acordo com os responsáveis pelo prêmio, "o maior êxito" da UE foi fazer "a paz, a democracia e os direitos humanos" germinarem na Europa.

Veja também:
especialESPECIAL: Todos os Nobel da Paz
 
tabela HOTSITE: Todos os prêmios Nobel

O júri ressaltou ainda a "luta não violenta pela segurança das mulheres e pelos direitos das mulheres de participar plenamente das tarefas de pacificação". O presidente da Comissão Europeia (órgão executivo da União Europeia), José Manuel Barroso, assinalou que "é uma grande honra" para a UE ter sido agraciada com o prêmio. Criada em 1957 por seis países que assinaram o Tratado de Roma, a comunidade europeia se ampliou progressivamente até chegar aos 27 Estados que a formam na atualidade.

Nobel. As indicações ao Nobel da Paz permanecem secretas durante pelo menos 50 anos, a não ser que a pessoa ou governo responsável pela indicação revele seu candidato. Entre os que podem fazer indicações estão ex-ganhadores do prêmio, parlamentares e governos. Em 2011, o Nobel da Paz foi concedido a três mulheres: a presidente da Libéria, Ellen Johnson-Sirleaf, a também liberiana Leymah Gbowee e a ativista iemenita Tawakkul Karman.

O Nobel da Paz é o único dos prêmios que levam o nome do inventor da dinamite, o sueco Alfred Nobel, a ter a entrega decidida e realizada pelo Parlamento norueguês. Em 2010, o escritor, comentarista político e ativista dos direitos humanos Liu Xiaobo, da China, foi escolhido. Em 2009, o premiado foi o presidente dos EUA, Barack Obama.

Nobel da Paz 2012
Nobel da Paz fica com a União Europeia
Nobel da Paz fica com a União Europeia

Júri destaca reconciliação e estabelecimento da democracia e dos direitos humanos

Especial
Conheça os vencedores do prêmio, concedido a indivíduos e instituições pela atuação nos direitos humanos, conflitos e controle de armas - Reprodução
Foto: Reprodução
Todos os Nobel da Paz | Mais Fotos

Conheça os vencedores do prêmio, concedido a indivíduos e instituições pela atuação nos direitos humanos, conflitos e controle de armas

Nobel da Paz 2011
Três mulheres dividem o Nobel da Paz
Três mulheres dividem o Nobel da Paz

Presidente da Libéria, ativista liberiana e jornalista iemenita foram premiadas neste ano

Nobel da Paz 2010
Liu Xiaobo, ativista chinês
Liu Xiaobo, ativista chinês

Dissidente foi nomeado 'por seu longo e pacífico esforço pelos direitos humanos fundamentais na China'

Mais notícias sobre Nobel da Paz

Notícias e reportagens