1. Usuário
Assine o Estadão
assine

GUERRA

Sob desconfiança de Kiev, Rússia envia ajuda a leste da Ucrânia

Cruz Vermelha, entidade que coordena a ação, diz não ter sido informada sobre o que há nos caminhões nem para onde eles se dirigem

13 DE Setembro DE 2014
05 DE Setembro DE 2014
31 DE Agosto DE 2014
27 DE Agosto DE 2014
20 DE Agosto DE 2014

guerra
Papa Francisco visita cemitério militar Destroços em Donetsk, na Ucrânia Soldados ucranianos em Donetsk Pessoas em estação de trem em Donetsk, na Ucrânia Refugiados em Donetsk Ataque em Gaza Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
Papa Francisco visita cemitério militar
Papa Francisco visita cemitério militar por ocasião do centenário da Primeira Guerra Mundial
Destroços em Donetsk, na Ucrânia
Autoridades polonesas têm apelado ao Ocidente que tome medidas mais drásticas para conter a Rússia
Soldados ucranianos em Donetsk
Tropas do governo enfrentam os rebeldes desde abril no leste da Ucrânia
Pessoas em estação de trem em Donetsk, na Ucrânia
O Acnur não incluiu as pessoas que normalmente teriam cruzado a fronteira para comércio ou turismo
Refugiados em Donetsk
Cada corredor tem uma rota claramente estabelecida e no período de seu funcionamento as tropas ucranianas não abrirão fogo
Ataque em Gaza
Menino ao lado de prédio destruído por ataque de Israel em Gaza.
Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
O Brasil foi o único da América do Sul a enviar tropas à Europa. Em 23 de agosto de 1942, o Estadão estampou em manchete: O Brasil em estado de beligerância com a Alemanha e a Itália. Mesmo assim o povo brasileiro não acreditava na possibilidade de se ir à luta, embora os alemães já tivessem bombardeado navios comerciais do Brasil em águas internacionais.
Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
Soldado da Força Expedicionária Brasileira
Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
Desembarque no Rio em agosto de 1945. O pesquisador Paulo Fernando Kasseb lamenta apenas que depois da vitória e do desfile dos soldados pelo Rio de Janeiro, em carro aberto, com chuva de papel picado, a Força Expedicionária Brasileira tenha sido desfeita por decreto logo em seguida. "Acredito que Getúlio Vargas (então presidente da República) temesse que seu poder fosse abalado pela popularidade obtida pela FEB", observa.
Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
Setembro de 1944 - Batismo de fogo: Mascarenhas de Morais, Zenobio da Cista, Lima Brayer, Amaury Kruel, o então Tenente Coronel Humberto Castello Branco ajoelhado e colegas.
Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
Força Expedicionária Brasileira.
Há 70 anos a Força Expedicionária Brasileira entrava em ação
Soldados da FEB em Livorno e Monte Castelo na Itália. Em Monte Castelo foram instalados os acampamentos onde os "pracinhas" (como eram chamados os nossos soldados) enfrentaram as maiores dificuldades, diante não só do inverno rigoroso, mas também das possantes metralhadoras MG. 42 dos alemães, logo apelidadas por "lurdinhas".
+ fotos sobre guerra »