1. Usuário
Assine o Estadão
assine

BRASIL

De virada, Brasil vence Croácia por 3 a 1

Brasil começou perdendo a partida, mas virou com dois gols de Neymar e um de Oscar

24 DE Julho DE 2014

brasil
Sport vence, mas é eliminado Chanceler: Volkswagen considera montar centro de planejamento no Brasil para recuperar vendas Gobbi se encontra com Alckmin para discutir questão de trem e metrô Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Sport vence, mas é eliminado
Paysandu perde por 3 a 2, mas vai enfrentar o Coritiba
Chanceler: "se há um anão diplomático, o Brasil não é um deles"
"Somos um dos 11 países do mundo que têm relações diplomáticas com todos os membros da ONU e temos um histórico de cooperação pela paz", declarou Figueiredo
Volkswagen considera montar centro de planejamento no Brasil para recuperar vendas
Centro de desenvolvimento e planejamento da Volkswagen irá assegurar que veículos atendam necessidades dos consumidores brasileiros
Gobbi se encontra com Alckmin para discutir questão de trem e metrô
Gobbi pretende resolver questão com órgãos públicos
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Um dos principais programas de redistribuição de renda, o Bolsa Família divide os pesquisadores do PNUD. Para o escritório brasileiro do PNUD, o principal programa de transferência de renda do governo federal é um exemplo sem ressalvas para ser seguido por outros países. O escritório internacional do organismo em Nova York, no entanto, avalia que a estratégia é eficaz, mas a maior parte de seus efeitos são de curto prazo.
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
O Brasil se destaca entre países do BRICs, também, na expectativa de vida ao nascer: 73,9 anos. A segunda maior do grupo. Em primeiro lugar vem a China, com 75,3. No entanto, a marca é inferior à apresentada pela Bósnia (76,4 anos), Argentina (76,3 anos) e Uruguai (77,2 anos.) "Os números brasileiros não são melhores por causa dos altos índices de homicídios e acidentes de trânsito", disse Chediek. Na foto, moradores de Bonito de Minas
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Para o coordenador do sistema das Nações Unidas no Brasil, Jorge Chediek, o fato de o Brasil ocupar apenas a 79° posição no ranking, atrás dos vizinhos Chile (41°), Argentina (49°), Uruguai (50°) e Venezuela (67°) é resultado de problemas históricos. "O passivo é enorme. Não podemos esquecer que o Brasil apresentou melhoras consistentes nos últimos 30 anos", justificou. "Em 1980, a média de tempo de escola do brasileiro era a de 2,6 anos e a expectativa de vida, de 62,7 anos", completou.
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Fechando a lista dos 10 primeiros está Dinamarca com índice de 0,900.
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Cingapura tem a maior renda per capita dos 10 primeiros colocados com 72.371 anuais por pessoa, quase 10 mil a mais que a Noruega. O país tem índice de 0,901 e ficou na nona posição.
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
O Canadá ficou em oitavo lugar no ranking de desenvolvimento humano com índice de 0,902.
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Com 0,910, a Nova Zelândia ficou na sétima posição do ranking. O país tem a menor renda per capita dos 10 primeiros colocados.
Brasil subiu uma posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano
Em sexto lugar, a Alemanha tem a maior média de anos estudados ao lado dos EUA com 12,9 anos. A média leva em conta o número de anos gastos na escola pelas pessoas com mais de 25 anos. Na foto, o Portão de Brandemburgo em Berlim.
+ fotos sobre Brasil »