1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Connection Timeout

Olimpíada 2012 - Atletismo

Lugares nos pódios? Mais uma vez, muito poucos

O atletismo do Brasil vai a Londres sem grandes revelações. A exceção é Mauro Vinícius da Silva, campeão mundial no salto em distância. A esperança de ver a bandeira nacional entre as três ganhadoras de medalhas ficam restritas a Fabiana Murer (salto com vara), Maurren Maggi (salto em distância) e nos revezamentos 4 x 100 metros (masculino e feminino).

Em Pequim-2008, Maurren quebrou um jejum de 24 anos sem um ouro olímpico para o atletismo. Transformou-se na primeira mulher a subir no lugar mais alto do pódio.

Entre os atletas estrangeiros, o principal nome é o do jamaicano Usain Bolt, que promete chocar o mundo mais uma vez com marcas impressionantes nas provas curtas. A russa Yelena Isinbayeva surge novamente com força na busca do tricampeonato olímpico no salto com vara. Ruim para Fabiana Murer, que terá de se superar para ficar entre as três primeiras colocadas.

Mais destaques
'A chance é de medalha ou nem chegar' - Ayrton Vignola/AE
Foto: Ayrton Vignola/AE
Marílson, o maratonista | Mais Fotos

'A chance é de medalha ou nem chegar'

Maior rival do jamaicano é ele próprio - Phil Noble/Reuters
Foto: Phil Noble/Reuters
Bolt e os limites do homem | Mais Fotos

Maior rival do jamaicano é ele próprio

Varista demonstra estar forte e rápida - Jonne Roriz/AE
Foto: Jonne Roriz/AE
Fabiana está pronta para o pódio | Mais Fotos

Varista demonstra estar forte e rápida

Momentos do esporte
Para lembrar
Para lembrar

Nelson Prudêncio e outros heróis brasileiros

Jovens Esperanças
Dificuldades não acabam com sonhos
Dificuldades não acabam com sonhos

Dedicação é grande para superar retrospecto

Favorito


Os seis recordes de Bolt

Jamaicano sem adversários nos 100m

Vídeos
'Quero brilhar em Londres como brilhei em Pequim', diz Maurren Maggi | Mais vídeos

Saltadora e campeã olímpica conta como está a preparação para os Jogos de Londres

Notícias e reportagens